SÓ HOJE 10% DE DESCONTO

USE O CUPOM: SEXTA.FULL

00
Horas
00
Minutos
00
Segundos

Bem vindo ao
Blog da FULL.

Aprenda, crie e cresça seu negócio na internet.

Encontre conteúdos, dicas, tutoriais e novidades sobre as principais ferramentas Wordpress

Como escrever posts consistentemente para o seu blog WordPress

Você está em:

Como escrever posts consistentemente para o seu blog WordPress
Como escrever posts consistentemente para o seu blog WordPress

Quando chega aquele momento de inspiração para começar um blog, pode parecer revigorante. Você tem uma ideia e está motivado para vê-la. No entanto, uma vez que o novo apelo desaparece, o blog se torna um trabalho, e é realmente difícil manter o esforço por um período de tempo sem um plano claro e controverso.

Para ajudar a evitar o blahs de blogs e para ajudá-lo a manter novas postagens aparecendo em seu blog regularmente, montamos um guia que o orienta no processo de escrita do blog. Da geração da ideia à publicação, cobrimos tudo aqui, mantendo a consistência e a rotina em mente.

Etapa 1: faça uma pesquisa de concorrentes

A primeira coisa é a primeira: você precisa ter uma noção clara do que outros blogs em seu nicho estão fazendo. Sim, este é um passo que você precisa concluir antes de colocar a caneta na página proverbial, mas é necessário, mesmo assim.

Pense em alguns dos principais blogs do seu setor ou área de tópicos de nicho. E se você não conseguir pensar em nenhuma, pesquise no Google algumas palavras-chave relacionadas ao tópico principal do seu site. Anote os nomes e URLs de alguns dos blogs mais bem classificados que você encontrar.

Agora, com esta lista em mãos, passe um pouco de tempo lendo. Mas você não deve apenas ler por causa da leitura. Em vez disso, leia mantendo algumas coisas importantes em mente:

  • Para quem essas postagens do blog estão falando? Quem é o público-alvo ou pretendido?
  • Com que frequência as novas postagens são publicadas em cada blog?
  • Quais categorias cada blog tem?
  • Que tipos de manchetes chamaram mais sua atenção?
  • Que tipos de call-to-action essas postagens de blog apresentam?
  • Que tipo de imagens eles usam? Quantos?

Certifique-se de escrever algumas notas sobre suas respostas às perguntas acima. Com essas informações em mente, agora você pode entrar no processo de criar seu próprio conteúdo com maior foco.

Você também pode aproveitar os alertas do Google, SimilarWeb ou outras ferramentas online para rastrear sua concorrência . A maioria dessas ferramentas é gratuita e requer apenas um pouco de configuração para começar a gerar relatórios.

Passo 2: Faça um brainstorming

Agora é a hora de deixar sua criatividade correr solta. Sobre o que você quer escrever? Sobre quais assuntos seus concorrentes escreveram que você acha que poderia fornecer uma opinião sólida? Quais perguntas frequentes você recebe por meio do suporte ao cliente ou das mídias sociais?

Essas são ótimas áreas para explorar à medida que você cria ideias para postagens no blog. Você também pode querer ir para a mídia social e perguntar diretamente a seus clientes ou público quais tópicos eles gostariam de ver explorados mais profundamente. Ou você também pode pesquisar hashtags do setor para ideias de tópicos.

As ideias estão sempre lá fora, apenas esperando para serem desenterradas. Portanto, não tenha medo de arregaçar as mangas e fazer um pouco de escavação.

MindMup

Você também pode achar útil criar um mapa mental aqui. Algo como o MindMup permite que você comece com uma ideia central e depois gere ideias vagamente relacionadas a ela. Muitas vezes, deixar sua mente vagar é a melhor maneira de ter ideias verdadeiramente originais. A escrita livre é outra maneira de liberar sua criatividade. Sente-se com um documento em branco à sua frente, defina um cronômetro e comece a escrever. Não pare para editar. Não pare para corrigir erros de digitação. Apenas continue escrevendo, mesmo que seja apenas coisas aleatórias. Você ficaria surpreso como as tangentes podem inspirar ótimas ideias.

Etapa 3: Agende um horário para escrever

Com um punhado de ideias em mente, agora você pode sentar e começar a escrever suas postagens no blog. Estamos adotando uma abordagem de uma semana para postar a escrita aqui. Portanto, se você redigir na segunda-feira, deverá ter uma postagem pronta para publicação na sexta-feira.

Você pode redigir diretamente no WordPress, no Google Docs ou em algum outro aplicativo de processamento de texto de sua escolha. Não importa, desde que você economize de forma consistente!

Escrever postagens de blog geralmente é uma reflexão tardia para os proprietários de empresas, pois é um esforço de marketing complementar e muitas vezes não faz parte dos principais aspectos de ganhar dinheiro da sua empresa. Por esse motivo, ele é empurrado para o segundo plano. Para evitar que isso aconteça, você pode agendar o tempo de escrita da postagem do blog da mesma forma que agendaria um compromisso. Anote em seu planejador ou calendário e siga em frente quando o lembrete aparecer.

Escrever em uma programação consistente tem o benefício adicional de treinar sua mente para estar pronta para escrever durante o “tempo de escrita do blog” também. As primeiras sessões podem ser um pouco lentas, mas você logo ganhará força e descobrirá que escrever posts de blog durante suas sessões de escrita programadas se torna uma segunda natureza.

Mas você absolutamente deve aparecer. Construir um senso de rotina em torno do seu tempo de escrita valerá a pena imensamente à medida que a produção de sua postagem no blog aumentar.

Etapa 4: Revisão e edição

Uma parte às vezes esquecida de escrever posts de blog é levar em consideração o tempo de edição e revisão. Por mais legal que seja poder escrever um rascunho e clicar em publicar assim que você escrever sua última palavra, isso não é viável. Considere o tempo para editar seu trabalho planejando com antecedência. Então, se você programar o tempo de escrita do post do blog nas tardes de segunda-feira, agende um tempo para editar e revisar nas tardes de quinta-feira. Isso dá ao seu cérebro tempo para “esquecer” o que você escreveu para que você possa abordar seu rascunho de postagem com novos olhos.

Leia sua postagem em voz alta para detectar erros gramaticais óbvios ou palavras ausentes. Para questões mais complexas, no entanto, você provavelmente deve usar um assistente de edição como Grammarly ou Hemingway. Ambos os aplicativos apontam erros gramaticais. E se você desembolsar o dinheiro para uma assinatura premium, poderá obter dicas para melhorar o estilo, o uso e muito mais.

O conteúdo carregado de erros lê mal e pode transmitir uma aparência não profissional, em primeiro lugar. Mas também não é atraente para os motores de busca. A revisão não é uma etapa a ser ignorada.

Etapa 5: pós-preparação

Assim que seu texto estiver como você gosta, você pode começar a preparar o post para publicação. Esta seria sua tarefa de sexta-feira, se você se comprometer com uma programação de uma semana mencionada no início deste post.

Se você não escreveu seu rascunho no WordPress, agora é a hora de copiá-lo. Se você estiver usando o editor clássico, use uma ferramenta como Word to HTML para cortar quaisquer bits de codificação extras que possam estar presentes e depois passe o conteúdo no modo HTML. Ou, se você estiver usando o Gutenberg, basta colá-lo imediatamente.

Em seguida, adicione a formatação adequada, incluindo cabeçalhos (se não estiverem presentes no rascunho original), links e imagens. Temos mais a dizer sobre imagens em um momento. Em relação aos links, no entanto, você deve incluir links externos para quaisquer artigos que cita ou usou como fonte de informações em sua postagem e configurá-los para abrir em uma nova guia. Da mesma forma, inclua também alguns links internos.

Preencha o meta título e a descrição no Yoast (ou um plugin de SEO semelhante) e otimize sua postagem para SEO.

Etapa 6: preparação de imagem

tinypng

Cada postagem de blog que você escreve deve incluir imagens. É praticamente a lei da terra online nos dias de hoje. O conteúdo sem imagens não é tão atraente e também é visto desfavoravelmente pelos mecanismos de pesquisa. Algumas fontes de imagens incluem:

  • Faça você mesmo as capturas de tela quando aplicável.
  • Use fotos livres de direitos autorais.
  • Use imagens que você mesmo tirou.

Em todos esses casos, redimensione as imagens para um tamanho apropriado para o seu tema e otimize as imagens antes de carregá-las usando uma ferramenta como o TinyPNG e, em seguida, adicione texto alternativo a cada uma para fins de SEO e acessibilidade.

Etapa 7: Agendar

Quando sua postagem estiver como você deseja, você pode agendá-la. Descubra em que dia da semana você deseja publicar sua postagem e agende-a usando a ferramenta de agendamento no WordPress. Copie o slug e o URL do post que será publicado em breve e use-o para agendar posts de mídia social para promover seu novo post de blog também.

amortecedor

Existem toneladas de ótimos plugins de mídia social para WordPress para escolher. Ou você pode usar uma ferramenta como Hootsuite ou Buffer para agendar postagens de mídia social com antecedência.

Ter um plano facilita a publicação consistente

Conceituar a ideia de escrever posts de blog regularmente pode parecer esmagador e como uma tarefa imprevisível e aleatória. No entanto, com um cronograma de redação consistente, você pode garantir que está sempre gerando conteúdo novo e incrível e sempre pronto para publicação. Com o tempo, você verá que o sucesso é realmente para aqueles que aparecem consistentemente. Para atualizar, veja como pode ser uma semana para você escrever um blog:

  • Segunda-feira: Rascunho
  • Quarta-feira: Editar
  • Sexta-feira: Preparação de imagem e agendamento de postagem (para a semana seguinte).

O cronograma de redação de postagem de blog proposto acima é apenas um exemplo, mas foi projetado para fornecer a você um tempo de espera de pelo menos uma semana entre a redação do post e a publicação. Sua milhagem pode variar, mas planejar com antecedência é uma maneira infalível de tornar a escrita de postagens de blog uma parte de sua agenda de trabalho, em vez de uma coisa para se espremer. Boa sorte!

Aprenda com a FULL.

Junte-se a mais de 50 mil pessoas que recebem em primeira mão as principais ferramentas e tecnologia para desenvolvimento web

O meu carrinho
🎁 Faltam 300,00 para liberar o Cupom Secreto
O seu carrinho está vazio.

Parece que ainda não tomou uma decisão.